Samille de Oliveira Brito

Samille de Oliveira Brito

Milk Free App - A pesquisa por trás da concepção de um app para alérgicos a proteína do leite de vaca (APLV)

No Brasil 350 mil crianças têm alergia à proteína do leite de vaca, além dos alimentos, a proteína pode estar presente em produtos não alimentícios como hidratantes, sabonete, giz e etc.

Esta alergia não é o mesmo que intolerância a lactose, pois tem uma incidência maior em bebês e crianças, que em contato com o leite sofrem com sintomas que envolvem a pele (vermelhidão e urticária), o trato gastrointestinal, o sistema cardiovascular, o trato respiratório e o mais grave, a anafilaxia que pode causar a morte.

Através de uma pesquisa desk sobre a alergia à proteína do leite de vaca, observação do comportamento e aplicação de questionário podemos entender como é a rotina, quais os problemas, dificuldades e o comportamento dos alérgicos e suas mães.

A etapa da pesquisa e imersão foi essencial para entender os problemas dos alérgicos e construir um aplicativo sob medidas para atender as reais dificuldades e necessidades que eles lidam no dia a dia. O Aplicativo Milk Free, por meio de pesquisa via código de barras ou pelo recurso de busca, detecta se há presença de leite nos produtos alimentícios e não alimentícios, transmitindo um alerta após a consulta, além de recomendar produtos e marcas de acordo com a dieta. Esses recursos podem garantir melhor qualidade de vida ao alérgico, maior praticidade, rapidez e segurança.

Sobre a palestrante

Sou Graduada em Sistemas para internet e Pós-Graduada em Arquitetura da Informação e Experiência do Usuário (UX), atuando há 7 anos na área de Web, Design de Interação e experiência do usuário. Atualmente trabalho como UX Designer na Nextel promovendo soluções para produtos e serviços sempre buscando a melhor experiência centrada em pessoas.

https://www.linkedin.com/in/samilleweb/